Ataque de Nervos

Excesso de trabalho e falta de tempo para realizar atividades mais prazerosas são grandes motores do estresse no mundo moderno. Popularmente conhecido como ‘ataque de nervos’, esses rompantes de agressividade são, geralmente, provocados por um soterramento de responsabilidades. Essas manifestações surgem durante situações que parecem não ter ‘solução’ para um ou mais problemas.

Os ‘ataques de nervos’ são comuns em condições onde se retêm frustrações, angústias, inseguranças e em casos extremos, sintomas de depressão. A frequência com que ocorrem os ataques são um problema. Alguns pesquisadores dizem que pessoas instáveis têm cinco vezes mais chances de desenvolver doenças do coração, já que durante episódios de forte emoção, a pressão arterial e os batimentos cardíacos sobem de forma repentina. Além disso, um ‘ataque de nervos’ pode aumentar a produção de radicais livres, o que acelera o processo de envelhecimento do organismo.

O ideal é entender a origem dos rompantes e saber equilibrar as suas reações frente às situações difíceis. Afinal, o que faz a diferença não é o nível de estresse, mas a forma de lidar com ele. Para ajudar, profissionais da saúde mental –  psiquiatras e psicólogos – atuam orientando o paciente neste entendimento.