Transtorno de Ansiedade Generalizada – TAG

Fatores genéticos e o stress contribuem para a doença

A ansiedade generalizada está relacionada a diversas questões do cotidiano, tais como problemas familiares, amorosos, de trabalho, saúde ou de qualquer outra origem. Fatores genéticos e o stress contribuem para a doença, que pode ser ter início do seu desenvolvimento mesmo quando criança.

Mesmo sabendo que a ansiedade é exagerada, o indivíduo não consegue controlar o sentimento, bem como, não possui qualquer memória, mesmo vaga, de um período no qual não vivesse correndo. Além da inquietude, o TAG provoca sintomas físicos como tensão muscular, tremedeira, dores de cabeça, náusea e diarreia.

O tratamento é realizado por meio de psicoterapia e, por vezes, medicação. Os medicamentos inibidores seletivos de recaptação de serotonina, antidepressivos e antiepilépticos podem ser administrados. Na terapia, o paciente receberá ajuda para controlar as visões distorcidas que causam stress e apoio para elevar a autoestima e enfraquecer a ideia de impotência frente aos compromissos.

Veja sobre tratamento da ansiedade em Porto Alegre.