Transtorno de Estresse Pós-Traumático

Tratamento do Transtorno de Estresse Pós Traumático, o Trauma

O transtorno de estresse pós-traumático é um problema que acomete vítimas de alguma situação que tenha tido relação com morte e ou ferimentos, e que tenha desencadeado sentimentos relacionados ao medo, impotência ou horror.

Os pacientes vítimas de transtorno de estresse pós-traumático frequentemente sonham com algo relacionado àquilo que lhes causou o trauma. Além dos sonhos que impedem o sono, esse nível de estresse costuma causar mudanças comportamentais. O indivíduo passa a expressar sinais de irritabilidade, distanciamento e dificuldades de concentração.

As pessoas que sofrem de transtorno de estresse pós-traumático necessariamente experimentaram alguma situação traumática, ao passo que, nem todos que vivenciaram algum trauma desenvolveram esse nível de estresse. Entre os homens, a causa mais comum é a violência da guerra. Entre as mulheres, o que mais desencadeia o trauma são experiências relacionadas a violência sexual.

Como não existe um modo preciso de diagnosticar alguém como vítima de estresse pós-traumático, existem métodos variados. Após o final da Guerra do Vietnã diversas maneiras de diagnóstico surgiram em função dos soldados que regressavam. Hoje, também existem avaliações de distúrbio cognitivo relacionado ao evento traumático.

Não existe medicação específica para esse transtorno, são utilizados, portanto, remédios indicados para outros tipos de transtorno, como aqueles para hipertensão, humor ou ansiedade. Já o tratamento psicológico varia de acordo com a linha psicológica que segue, mas seja cognitivo-comportamental ou dinâmica, é sempre recomendada.


Veja também sobre acompanhamento psicológico para Estresse Pós-Traumático.